• Ninguém Escreve ao Coronel | de Gabriel García Márquez
Detalhes da Obra

Título:
Ninguém Escreve ao Coronel

Título Original:
El Coronel no Tiene Quien le Escriba

Autoria:
Gabriel García Márquez

Tradução:
V. W.


Detalhes do Artigo

Estado:
Usado / Capa com alguns sinais de manuseamento - Apresenta vincos / Miolo amarelecido / Dedicatória de oferta

Capa:
Mole

Editora:
Publicações Europa-América

Colecção:
Século XX #115

Edição:
-

Ano de edição:
-

Páginas:
152

Idioma:
Português

ISBN:
-


Sinopse

Publicado pela primeira vez em 1961, Ninguém Escreve ao Coronel é o segundo romance de Gabriel García Márquez, escrito durante a sua estada em Paris, onde trabalhava como correspondente de imprensa desde meados dos anos 50.
Num estilo puro e transparente, com uma economia expressiva excepcional que marcava já o seu futuro como escritor, García Márquez narra com brilho inaudito a história de uma injustiça e violência: um pobre coronel reformado vai ao porto esperar, todas as sextas-feiras, a chegada de uma carta oficial que responda à justa reclamação dos seus direitos por serviços prestados à pátria. Mas a pátria permanece muda…


Críticas de Imprensa

-

Escreva um comentário

Nota: O HTML não é traduzido!
    Mau           Bom

Ninguém Escreve ao Coronel | de Gabriel García Márquez

  • 3,95€